A Mais Completa Defesa do ‘Descobridor do
Brasil’ Possui a Força e a Luz do Inesperado
 
 
Metzner Leone
 
 
 
 
 
00000000000000000000000000000000000000
 
Pedro Álvares Cabral”, Metzner
Leone, Editorial Aster, Lisboa, 1968,
522 páginas. Coleção “Grandes Biografias”.
 
0000000000000000000000000000000000000000
 
 
 
Comentário da Editora Aster
 
Nenhuma grande figura da nossa História é tão desconhecida como Pedro Álvares Cabral. A concentração dos documentos num só momento da sua vida parecia condenar o grande navegador a ser, na História, uma espécie de meteoro, iluminado e logo extinto junto ao Cruzeiro do Sul…
 
Metzner Leone, habituado ao estudo psicológico das personagens da Ficção e da História, e marcado pelas disciplinas de objetividade que fazem o verdadeiro jornalista, soube arrancar da penumbra dos arquivos e salvar da luz deformante das ideologias o primeiro homem que uniu numa só viagem os quatro grandes continentes, completando o quadro das navegações oceânicas do século XV.
 
Uma biografia de Cabral parecia uma tarefa impossível de realizar. E seria de fato impossível para quem não dispusesse simultaneamente de uma audaciosa imaginação e de um respeito sagrado pela verdade.
 
Em toda obra de interpretação, abre-se uma margem mais ou menos larga, em que são possíveis, e até indispensáveis, as opções pessoais. O historiador não pode limitar-se a fornecer ao leitor a secura das fontes. Menos ainda o biógrafo, de quem o público espera, com alguma razão, a capacidade de cor e de vida que em geral se encontra no romancista.
 
A obra que a Editorial Aster tem o prazer de apresentar ao vasto público português e brasileiro escapa aos dois perigos em que era fácil cair: o cientismo rígido e a fantasia fascinante. Mas o leitor mais exigente de prosa máscula e desempoeirada verá que esta biografia de Pedro Álvares Cabral não é uma obra “moderada”, feita com o cuidado doentio de evitar escolhos: para que nela revivessem, como revivem, uma época e um homem, o seu autor começou por viver intensamente o drama desse homem e dessa época. E a obra que escreveu tem o vigor e a veracidade de um testemunho. O público há de encontrar nela o sabor do inesperado.
 
(A Editora) [1]
 
 
 
NOTA:
 
[1] O texto acima foi reproduzido da orelha esquerda do volume “Pedro Álvares Cabral”. A ortografia foi atualizada. (CCA)
 
000
 
O livro “Pedro Álvares Cabral” foi publicado nos websites associados dia 30 de março de 2020.
 
Leia “A Arte de Descobrir o Brasil” e “O Brasil Universalista”. Veja outros títulos da seção temática “Brasil e Portugal: a Ética na Construção do Amanhã”.
 
000
 
O grupo SerAtento oferece um estudo regular da teosofia clássica e intercultural ensinada por Helena Blavatsky (foto). 
 
 
Para ingressar no SerAtento, visite a página do e-grupo em YahooGrupos e faça seu ingresso de lá mesmo. O link direto é este:
 
 
000